Top blogs de receitas
Chef Ratatui é o blog que vem ultrapassar barreiras geográficas... apesar de ser um espaço virtual pretende-se que se sinta ao meu lado a confeccionar as melhores receitas de culinária... simplesmente a Receita para o Bem-Estar!
Abril 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
17
18
19
20
21
22
24
25
27
28
29
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

tags

todas as tags

08
Abr
14

 

 

photo 1.JPGQual a melhor estratégia para escolher o que comer nos restaurantes do Peixe em Lisboa? Quando há congestionamento dirijo-me normalmente ao que está mais vazio. Contudo, hoje ao almoço o ambiente estava calmo e por isso decidi visitar apenas aos estreantes desta edição: o Avenue, o Claro! E a Bica do Sapato, que tinha estes pastéis de massa tenra de atum, de boa massa e fritura a condizer. O recheio levava para o original de carne mas de sabor mais suave.

photo 2.JPG

 

Já quanto à cavala no pão em sabores de escabeche, do Avenue, arrisco-me a dizer que será um dos pratos do evento, mesmo só tendo provado ainda uma ínfima parte. Aliás, esta versão é mesmo superior àquela que a Marlene Vieira apresenta no restaurante. Contou-me a chefe que nesta versão prensa o pão de forma até ficar esticado. Depois enrola a cavala (que me pareceu ligeiramente curada) neste pão barrado com mostarda e fica parecido com um wrap. Após uma passagem pelo forno, para tostar, o conjunto é servido com um puré feito com os legumes de um escabeche. O resultado é 'superb', como diria um francês.
photo 3.JPGDo Avenue provei ainda esta truta salmonada apresentada como "salmão do Rio Minho". Este peixe é muito menos gordo do que o salmão e ficou particularmente bem com os sabores cítricos e amentolados do puré de poejo em que assentava. O único senão foi a pele que era rija e não dava para comer.

photo 4.JPGO bacalhau à Conde da Guarda do Vitor Claro é já um clássico do seu restaurante. Para o Peixe em Lisboa o Vitor 'ensacou-o' num pimento 'piquillo' e ficou interessante, até porque não faltou o 'puré' de tomate fantástico que ele faz - e nem estamos na sua melhor época. 

photo 5.JPG

Por fim...a gula total. Peixinhos da horta e outros legumes. A Marlene ia-me matando com o tamanho do carapau, ou melhor, da sua espinha, mas perdoo-a pelo prazer da gula que tive em troca. Aqui estão então 5 sugestões do muito que há para comer até dia 13 nos restaurantes do Peixe em Lisboa.

publicado por Chef Michael Rocha às 21:30

| B iografia |

 

Julgo que é mais importante mencionar alguns factos importantes como surgiu este gosto pela cozinha, onde tem origem esta vontade de “ser alguém” no mundo da cozinha?

Comecei a cozinhar muito cedo com a ausência da minha mãe. Não quero mentir, não sou muito bom em datas, mas com sete ou oito anos já cozinhava alguma coisa e com 10 anos cozinhava a sério e com 15 anos já era um cozinheiro por necessidade.

Quando comecei a trabalhar nesta área, aliás, quiseram-me na Cozinha por mero acaso, o Cozinheiro para uma festa de Fim de Ano de uma Empresa de Eventos, despediu-se a ultima hora e quem acham que foram buscar. É mesmo, como eu digo na “hora certa no local certo”. Tentei durante estes anos todos ser cada vez melhor e aperfeiçoar-me. Tinha uma vocação natural, é o que me diziam, um dos meus grandes segredos do empenho e do suposto sucesso que tenho tido é nunca me ter desviado deste caminho de ser já um cozinheiro chefe como ter um Dom para tal e ponto final.

| V   isitantes |

cozinheiro(s) online
últ. comentários
Uii! São mesmo deliciosos! Thanks!
Adoro estes petiscos!
Olá Susana, é sempre bom receber noticias tuas. Ob...
Ficou uma maravilha!
Olá Susana,Obrigado pela sua opinião e volte sempr...
Uma excelente ideia, a de usar os cookies na base....
Olá Susana,Ficaram deliciosos, mesmo! Faz-me lembr...
Ficaram tão gulosos...Bjs, Susanahttp://tertuliada...
Olá Susana,Uiii! Se é! Depois da-me o teu feedback...
Deve ser uma delicia, adorei.Bjs, Susanahttp://ter...